Dicas de turismo em Paris: Roteiros temáticos

novembro 22, 2010 | Posted in Turismo dicas | By

Estabelecer roteiros baseados em temas específicos torna muito mais fácil e produtiva as suas férias.O tipo de visita e passeios a escolher depende muito do tipo de experiencia que você quer ter em Paris. Paris é o centro turístico mais visitado no mundo, e não é a toa! Existe a Paris histórico- cultural, a gastronômica, a social, artística, religiosa, Paris para crianças e mais um infinito de opções.

Que tipo de turista é você? Quais são as suas prioridades de passeio ou experiencias que quer ter?

Vamos analisar alguns tipos de roteiros temáticos baseados em algumas prioridades:

Turismo Histórico cultural:

Este é o principal e mais comum tipo de turismo. É altamente recomendado para quem vem pela primeira vez e gosta de historia, palácios e museus.

Não vou aqui listar todos os Museus que você pode ir, mas se você pretende seguir este roteiro, aqui vai umas dicas:

  • Hospedagem:

Hoteis/albergues no centro da cidade (fique perto do metro!) são o indicado para você.

Aconselho a cadeia de Hotéis do Grupo Inter Continental, onde você vai encontrar hotéis conhecidos como o Holiday Inn; eu tenho ate cartão de usuário frequente, o que me da 20% de desconto no minimo nestes hotéis (eu já me hospedei no Holiday Inn em Paris, Hong Kong, Thailandia – Phiphi Island e Phuket). Estou aconselhando porque eu já testei o bastante para garantir que são bons.

Mas toda a rede Inter Continental é ótima. Você tem o link do web site da Intercontinental aqui no blog, com um minimo de 20% de desconto. Voce pode pesquisar por hoteis aqui mesmo no blog.

Albergues baratos: eu aconselho o site do Hostelworld, que tambem tem aqui no blog o link. Já utilizei o Hostelworld para uma viagem a Normandia (fica perto de Paris) e gostei muito do hostal – superbarato.

  • Passes de museu/metro/Bus tour (passeio de onibus turistico, onde você para onde quer e depois pega o próximo para seguir o passeio).

Para quem vai visitar muitos museus e seguir este roteiro cultural de Paris, aconselho firmemente o Paris Pass. Também provado e aprovado por mim. Eles dão um guia turistico (livro de 120 paginas) para você seguir. Comprei um passe de 2 dias e foi ótimo. Com um passe destes na mão você vai passear pelo Sena de barco, vai degustar vinhos em adegas, e claro visitar tantos museus quantos você quiser.

  • Não precisa mais nada.

Turismo Gastronômico

  • Segundo tipo de turismo mais popular, principalmente entre os Norte-Americanos.
  • Neste caso aconselho ficar em Hotel com café da manha incluído, o que não acontece na maior parte do albergues. Aconselho Hotel mesmo.
  • Para ter uma verdadeira experiencia gastronômica sem gastar uma fortuna, adira a programas do tipo  Restoprive (Restoprivé – Page d’accueil) , por exemplo, que da descontos incriveis pela internet, se você reserva através deles você vai economizar muito.
  • Outro programa incrível é o Lafourchette, parecido com o Restoprive, com a diferença que você não precisa pagar pelo restaurante online, você só faz a reserva, tem descontos tambem e o site deles é , na minha opinião, melhor para quem não fala francês (você pode mudar o idioma), alem de poder fazer pesquisa por área em todas as regiões de Paris.
  • Ambos os programas eu aconselho. Vá ao site deles, inscreva-se e comece a receber as novidades. Assim você já vai tendo uma ideia dos preços e dos restaurantes (os sites tem montes de fotos). Inscrever-se para receber o e-mail deles é  de graça. Eu uso os 2 programas.
  • Eu tambem aconselho viajar um pouco ao norte a ter uma verdadeira experiencia com queijos franceses. Você pode encontrar informação aqui no blog sobre vários lugares incriveis e perto de Paris na Normandia – este é o lugar para experimentar queijos e afins.
  • Quem vem pensando passear pensando na gastronomia francesa vai se beneficiar se tiver com um laptop ou netbook, iphone, etc. É a melhor maneira de consultar os sites, ver onde ir, olhar mapas e etc. Não aconselho livros impressos, aconselho mapas.
  • Compre vários “carnets” de 10 tickets para usar no metro, não precisa comprar um passe.
  • Instale um dicionario ou tradutor no celular – só pra per certeza de que você esta pedindo a comida certa no restaurante.
  • Dica: existem vários restaurantes caríssimos em Paris, alguns eu já experimentei e posso dizer: a comida não é muito, muito melhor do que os restaurantes com preços razoáveis. Experimente também o restaurante dos hotéis que você ficar, geralmente são ótimos.
  • Nos restaurantes, opte pelos menus prontos, com entrada, prato principal, saladas e sobremesa.
  • Não esqueça dos vinhos!

Turismo Religioso

Esse é o tipo de turismo mais barato, a maioria das catedrais, igrejas e afins são de graça.

Eu fiz muito esse tipo de turismo quando adolescente, não por questões religiosas mas porque as catedrais da Europa são uma experiencia a parte. Vale a pena.

Você só precisa de:

  • Um guia turistico (pode ser impresso, não muda nada a anos mesmo).
  • Um passe de metro ou “carnet” de bilhetes.
  • Um mapa
  • Bons sapatos para caminhar por ai.
  • Se for verão, cuidado com os shorts, as vezes eles não permitem a entrada de pessoas com roupas muito “abertas”.
  • Veja as programações culturais das paroquias, geralmente tem afixado nas portas concertos de órgão, canto, canto gregoriano, etc. De graça! Pra quem gosta de musica sacra a Notre Dame tem ótimos cantores, se você gosta pode ir a missa de domingo la.
  • Não perca a oportunidade de visitar as principais catedrais de Paris ao entardecer, o sol batendo nos vitrais deixa a catedral com um ar magico.

Hospedagem:

Qualquer lugar perto do Metro, mas não na área da Gare du Nord (essa e a área do Mulin Rouge). A 19eme fica um pouco fora do contexto do passeio, porque é a zona de prostituição, etc.

Melhor para outro tipo de “roteiro”.

Aconselho albergues em geral, hotéis pequenos e baratos, no centro.

Paris para crianças:

  • Viajando com crianças? Escolha um dia para ir a Disney Paris (site oficial), Ao Parque do Astérix (site oficial) entre outras diversões como as praças e jardins no centro da cidade (O Jardim de Luxemburg não pode faltar no roteiro!)

Faça um picnic a beira da torre Eiffel, use os parques e divirta-se! Todos os dias as 10 da noite tem um espetaculo maravilhoso na torre eifell que fica toda iluminada, vale a pena ver! As criancas vão adorar e voce tambem.

  • Alojamento:

Recomendo alugar um apartamento em vez de ficar em hotel.

De uma olhada no site do Residhotel.  Já usei os serviços deles e adorei.

No próximo artigo escreverei um pouco mais sobre outros roteiros, tais como Turismo Artistico, Social (Paris durante a noite!) e Compras em Paris (Compras baratas: Onde encontrar lojas outlets e grandes descontos em Paris).

Ate breve!

Leia tambem os outros artigos do blog para mais Dicas de turismo na França!

Leia mais...

Dicas de acomodações baratas na França! Hostais, albergues, hotéis baratos e camping

outubro 15, 2010 | Posted in Hoteis | By

Dicas de acomodações baratas na França!
Hostais, albergues, hotéis baratos e camping.
Estou fazendo uma pesquisa a respeito de acomodações na França, e como já tinha falado do Residhotel em Dicas de Turismo na França-Mulhouse (Alsace), resolvi experimentar outros serviços na internet para reserva de acomodações. Este que pesquisei e o Hotelscombined e aproveitei o fim de semana passado para “testar o produto”. Estou tentando ser honesta com as dicas e experimentando os serviços antes de colocar aqui. Como esse e um blog pessoal que mostra o meu nome, não quero ficar associada com maus serviços, ok?
Achei fácil de usar o site, fiquei em um hostal “médio preço” e adorei. Depois escrevo um artigo contando sobre o passeio e dando as dicas.
Aqui vão as dicas então para quem esta procurando lugares baratos para ficar na França:

Save on your hotel, spend on yourself

Hotelscombined e o líder do mercado para reservas de acomodações de todos os preços, perfeitas para viajantes independentes que querem liberdade e comodidade sem estarem presos a nenhum pacote turístico em especial. O que eu costumo fazer quando viajo é ver no mapa os lugares que eu quero ir, colecionar informações básicas sobre os pontos turísticos e reservar a primeira noite em um hostal ou hotel. Depois eu vejo se e bom, e afinal o tempo previsto para o passeio esta certo (as vezes você planeja ficar uma semana em um lugar, chega lá e afinal decide que seria melhor ficar 10 dias ou mais).
O Hotelcombined e fantástico quando você não esta querendo gastar muito em acomodação (tem hostais muito baratos mesmo, outros médios, outros muito bons mais caros).

Você pode procurar hostais por preços, lugar aqui mesmo no blog, em cima do cabeçario (header) tem uma pagina dedicada exclusivamente para a busca de hoteis no hotelscombined.
Não esqueça ver os comentários dos viajantes que se hospedaram nos hostais que você esta buscando, leia bem, essas informações são valiosas. Se muita gente diz que e ruim e melhor não arriscar. Tambem  é normal as pessoas irem colocando comentários quando não estão muito satisfeitas, mais do que quando estão, então não leve muito em consideração um ou outro comentário negativo, se a maioria diz que vale a pena. Veja bem as fotos, veja no Google Earth a localização do hostal pelo endereço, veja se o lugar é interessante.

Aproveite a oportunidade, dê uma olhada mais de perto nas promoções!
Também e uma boa idéia fazer uma reserva barata pra mostrar no aeroporto, se você quer mudar de idéia e partir pra outros lados afinal foram só uns 20 euros despesa.

 

Leia mais...

Dicas de Turismo na França-Mulhouse (Alsace)

outubro 4, 2010 | Posted in Destinos | By

Estou voltando de um fim de semana maravilhoso e gostaria de partilhar com vocês algumas informações a respeito.

Estive fazendo turismo em Mulhouse,  na região de Alsace.

Mulhouse (Alsace)

Mulhouse situa-se a aproximadamente 30 km ao norte da Basiléia, na Suíça, a uns 15 km da fronteira francoalemã e a uns 120 km ao sul de Estrasburgo. Fica a 500 kilometros de Paris e você pode ir de trem (Gare SNCF de Mulhouse, Tél. 08 36 35 35 35 – SOLEA (Transport de l’agglomération mulhousienne), Tél. 03.89.66.77.77)

Eu nunca tinha ouvido falar dessa Villa, e a única coisa que conhecia dessa região era o vinho Riesling, mas fiquei surpreendida com a diversidade de lugares e atrações turísticas. Eu realmente recomendo que você inclua-a na sua rota turística.

Mulhouse e famosa por seus museus, especialmente o Cité de l’Automobile e o Musée Français du Chemin de Fer.

Outros monumentos e atrações a não perder:

  • Hôtel de ville do século XV.
  • Praça da Bolsa e prédio da Sociedade Industrial de Mulhouse do século XIX.
  • Museu do Automóvel (coleção Schlumpf).
  • Museu das Estradas de Ferro.
  • Museu da Eletricidade (Electropolis).
  • Museu de Impressão em Tecidos.
  • Jardim Zoológico e botânico.
  • EcoMuseu alsaciano (Museu de casas antigas da Alsácia, para lá transportadas e restauradas).
  • Torre do Belvédère. Panorama 360°.
  • Rota do vinho.

A comida, como não poderia deixar de ser devido a proximidade, lembra muito a comida alemã. As especialidades são: choucroute, spâtzle, Kougelhopf, “bredeles” e os vinhos de Alsace são o Riesling e o Pinot noir, (gris ou blanc).

Quanto a acomodação, eu optei por usar o site Residhotel que tem montes de promoções e preços ótimos. Você pode ficar em apartamentos com cozinha e tudo, tem lavanderia, breakfast (opcional), wi-fi, etc. Falei deste blog no hotel e eles me enviaram por email esse link com descontos, espero que seja util!


pub

Se vocês tem outras rotas turísticas que querem aconselhar , deixe o seu comentário!

Leia mais...