Descobrindo Paris: As margens do Rio Sena e as suas pontes

junho 5, 2011 | Posted in Cultura Francesa, Pontos turisticos | By

O Rio Sena sempre foi importante para o desenvolvimento cultural e econômico de Paris, de fato, podemos dizer que foi imprescindível.

Essa importância pode ser medida pelo número de monumentos que estão localizados perto de seu curso. Desde a Torre Eiffel (7eme) ate a Biblioteca Nacional da França (13eme), as margens do rio estão cheias de monumentos históricos. Um passeio de bateau mouche ou mesmo a pé, ao longo do rio sena é uma das melhores formas de ver o centro de Paris, através das suas margens.

Para você se situar um pouco na historia e entender mais sobre a importância das pontes que você vai encontrar, ligando tanto a rive gauche com a rive droite como ambas as margens com as ilhas no meio do sena (Ile de la cite e Ile Saint Louis), aqui vai um resumo da historia de Paris, visando exclusivamente as pontes:

Idade Média ao século XVI: As primeiras pontes são construídas em Paris

O Sena é um lugar rico e variado. No centro, ao redor de Ile de la Cité, as casas são também construídas umas sobre as outras, diretamente sobre o rio, sobre as pontes. A cidade de Paris se resume basicamente em Ile de la Cite. Lugares como o conhecido e central (hoje) Quartier Latin são considerados “subúrbios” nesta época.

O primeiro cais aparece no início do século XVI com a construção do Rei Filipe, o Belo, o Quai des Grands Augustins. As pontes são todas cobertas com casas de madeira, sendo estas um dos motivos da grande poluição que já se encontrava no rio nesta época (somente sendo resolvida seculos mais tarde).

Os arcos estreitos das pontes são ocupados por fábricas e outras atividades.

A Pont-Neuf (a ponte mais antiga de Paris, tem uma estacão de metro com o mesmo nome), nascida da vontade real, foi construída a partir de 1578. Esta é a primeira ponte onde não foi permitido casas construídas em cima.

XVII e século XVIII: o nascimento das docas em Paris

O desejo de embelezar e limpar Paris faz com que haja uma profunda transformação do Sena.

A criação em 1753 da Place Louis XV (agora chamada de Place de la Concorde) foi acompanhado da construção de um cais ao longo das duas margens (rive droite e rive gauche).

Casas construídas diretamente sobre o rio (em cima das pontes) são, então, demolidas, apesar da resistência dos moradores, que não gostaram nada da ideia de terem as suas casas destruídas.

O espaço liberado é reservado às margens ao redor das ilhas para a criação de cais mais elevados.

O século XIX: o triunfo de pontes e o embelezamento de Paris

Este século é marcado pela construção massiva de pontes que melhoraram a comunicação entre ambos os lados. Cada reinado desempenhou o seu papel e contribuiu como construtores em Paris, encorajados pela crescente urbanização e a expansão da capital. Em 1870, 15 pontes foram construídas, mais do que durante todos os séculos anteriores. A navegação é muito ativa nesta época. O Sena é o local preferido das Exposições Internacionais, realizada em Paris de 1855-1900.

O século XX: a convivência com o automóvel

É hora de conciliar o compromisso (e o conflito) dos usos das pontes: a circulação a pé e com carros.

O uso do Sena diminui e o tráfego se espalha por Paris com a construção de estradas em terra. Muitos produtos e mercadorias que antes vinham para Paris através do Sena começam a vir por terra. A Ponte Charles de Gaulle simboliza o fim do século com o seu longo avental horizontal.
Deixe-se levar por um passeio ao longo do Sena e descubra um panorama interessante, que não se limita somente às pontes. As margens do Sena são Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO.

 

Aqui a lista das 37 pontes de Paris, com links para a wikipedia, para você saber mais sobre cada uma delas, assim como ver as fotos também:

  1. Pont amont
  2. Pont National
  3. Pont de Tolbiac
  4. Passerelle Simone-de-Beauvoir (somente para pedestres), inaugurada em 13 de julho de 2006
  5. Pont de Bercy
  6. Pont Charles-de-Gaulle (1996)
  7. Viaduc d’Austerlitz
  8. Pont d’Austerlitz
  9. Pont de Sully (que atravessa a parte leste da l’Île Saint-Louis)
  10. Pont de la Tournelle (entre la rive gauche et l’Île Saint-Louis)
  11. Pont Marie (entre l’Île Saint-Louis et la rive droite)
  12. Pont Louis-Philippe (entre l’Île Saint-Louis et la rive droite)
  13. Pont Saint-Louis (somente para pedestres, entre l’Île de la Cité et l’Île Saint-Louis)
  14. Pont de l’Archevêché (entre la rive gauche et l’Île de la Cité)
  15. Pont au Double (entre la rive gauche et l’Île de la Cité)
  16. Pont d’Arcole (entre l’Île de la Cité et la rive droite)
  17. Petit-Pont (entre la rive gauche et l’Île de la Cité)
  18. Pont Notre-Dame (entre l’Île de la Cité et la rive droite)
  19. Pont Saint-Michel (entre la rive gauche et l’Île de la Cité)
  20. Pont au Change (entre l’Île de la Cité et la rive droite)
  21. Pont Neuf (atravessa a ponte oeste da l’Île de la Cité, a mais antiga (apesar do nome…), foi construída entre 1578 et 1607)
  22. Pont des Arts (para pedestres, esta é e ponte onde os casais colocam os cadeados pendurados)
  23. Pont du Carrousel
  24. Pont Royal
  25. Passerelle Léopold-Sédar-Senghor (1999) (somente para pedestres, antiga Passerelle de Solférino, renomeada em 2006)
  26. Pont de la Concorde
  27. Pont Alexandre-III
  28. Pont des Invalides
  29. Pont de l’Alma (em baixo desta ponte tem o túnel onde morreu a princesa Diana)
  30. Passerelle Debilly (apenas para pedestres)
  31. Pont d’Iéna
  32. Pont de Bir-Hakeim (atravessa a l’Île aux Cygnes,a terceira Ilha de Paris, pouco conhecida pelos turistas)
  33. Pont Rouelle (viaduto ferroviário da ligne C do RER atravessando a l’Île aux Cygnes)
  34. Pont de Grenelle (atravessa a l’Île aux Cygnes)
  35. Pont Mirabeau
  36. Pont du Garigliano (antigo Viaduc d’Auteuil ou Viaduc du Point-du-Jour)
  37. Pont aval

Leia mais...

Entenda melhor a cronologia da história da França para poder aproveitar ao máximo o seu passeio em Paris

maio 29, 2011 | Posted in Cultura Francesa | By

Alem de todos os detalhes que cercam o planejamento de uma viagem, um fator importante para aproveitar ao máximo a sua temporada em Paris é lembrar um pouco da historia da França que todos estudamos na escola.

Paris é um museu a céu aberto, e as vezes pode tornar-se um pouco frustrante olhar tudo por aqui sem entender como ela foi feita e quem construiu o que. Vocês verão as datas de quando cada monumento foi contruído nos panfletos informativos que temos a disposição aqui, então com esta lista vocês podem saber exatamente quem começou e quem terminou cada obra.

Pensando nisso, resolvi fazer uma lista de datas e períodos importantes na historia da França, para você poder entender melhor o que cada rei fez pela cidade, e quando eles viveram. Muito destes nomes vocês irão ver por aqui, em estatuas, nomes de ruas, etc.

Segue aqui a minha lista (é uma especie de resumo), comentada, para ajudar você a se situar no tempo e no espaço quando vier a Paris:

 

10 000 AC Era Paleolítica

5000 – 2500 AC Era Neolítica – Existem provas de civilizações desta época já habitando Paris, mas eles não deixaram construções nem existe nada desta época nas ruas de Paris, foram encontrados vestígios em escava coes, mas muito pouca coisa. A área da França onde tem mais vestígios desta época fica no Sul da França

51 AC – 486 DC Gaule (Ainda não existia o pais “França”, mas essa época ficou bem conhecida por nos através das historias do Asterix, os gauleses que foram uma eterna dor de cabeça para o império romano)

486 – 751  Merovingiens – Dinastia dos 3 primeiros reis da Franca:

481 – 511  Rei Clovis – Ele se converteu ao catolicismo e foi quem criou o pais “França”.

629 – 638 Dagobert I

721 – 737 Thierry IV

751 – 987  Carolingiens – Segunda dinastia de Reis franceses:

751 – 768 Rei Pepin le Bref (o Breve)

768 – 814 Charlemange (conhecido por nos como Carlo Magno, não foi um rei somente, mas um grande e poderoso imperador, ate hoje considerado pelos franceses um heroi nacional. Foi quem deu ordem as igrejas de educar as criancas, alfabetizando e dando ensino basico. Foi então o criador das escolas na França.

843 – 877 Charles II

877 – 879 Louis II

879 – 882 Louis III

898 – 923 Charles III

936 – 954 Louis VI

996 – 987 Louis V

987 – 1328 Capetiens , Rei Hugues Capets – Terceira Dinastia de Reis franceses: Pode-se dizer que foi a partir desta dinastia que Paris realmente se desenvolveu como a capital do Pais.

987 – 996 Hugues

996 – 1031 Robert II le Pieux (O piedoso)

1031 – 1060 Henri I

1060 – 1108 Philippe I

1096 – Construção da Basillica Vézelay

1108 – 1137 Louis VI

1130 Construção da Abadia de Fontenay

1137 – 1180 Louis VII

1180 – 1223 Philippe II (Construiu uma fortaleza onde hoje temos o Louvre, as ruínas deste castelo ainda podem ser vistas no subsolo do Museu). Todos os outros reis que vieram a seguir contribuíram com a construção do Louvre, ate Napoleao. O Louvre que vemos hoje e o resultado do esforço conjunto de todos os reis da Franca (e imperador) a partir de Philipe II.

1223 – 1226 Louis VIII

1226 – 1270 Louis IX

1270 -1285 Philippe le Hardi III

1285 – 1314 Philippe le Bel IV (o belo) – Em 1307 Philippe IV prende e condena por heresia os Templários, com a ajuda do Papa Clement V.

Jacques de Molay (templário mestre) é queimado lentamente em frente de onde é, hoje em dia, a Square Du Vert Galant, em Ile de La cite. Dizem que Jacques amaldiçoou o rei, e o papa no momento da sua morte. O papa Clemente V morreu 1 mês depois da morte do templário mestre, e 5 cinco meses depois o rei morre. Os próximos reis desta dinastia tiveram vida muito curta, marcando o fim da dinastia dos Capetians (parece que a maldição funcionou lindamente…).

1039 – O papa muda para Avignon

1350 – 1364 Jean II le bom (o bom)

1364 – 1380 Charles V

1380 – 1422 Charles VI

1422 – 1461 Charles VII

1431 Jean d’Arc foi morta (queimada)

1461 – 1483 Louis XI

Fim da Idade Media 1486

1483 – 1498 Charles VIII

1483 – 1595 Período do Renascimento

1498 – 1515 Louis XII

1539 – O Rei Francos I declara a língua francesa a língua oficial da França

1559 – 1560 François II, fim da guerra com a Itália

1589 – 1610 Henry IV (assassinado por Ravaillac)

1610 – 1643 Louis XIII

1643 – 1715 Louis XIV Roi Soleil (Rei sol)

1661 Louis XIV começa a construção de Versalhes, que sera a casa dos reis Louis XIV, Louis VX e Louis VXI.

1715 – 1774 Louis XV

1774 – 1792 Louis XVI

1778 As colônias americanas e a França assinaram o tratado militar de 06 de fevereiro.

1789 A revolução Francesa

Tomada da Bastilha em 14 de Julho (este e um feriado nacional hoje em dia, não planeje passeios em museus aqui)

A declaração “Droits de l’homme” (Direitos do Homem) 26 de Agosto

As riquezas da Igreja são entregues a França – 2 de Novembro

1792 Primeira Republica

1793 Louis XVI é guilhotinado em 21de Janeiro (ele estava preso na Torre do Templo em Paris, com a sua família)

1793 Marie Antoinette é guilhotinada em 16 de outubro (depois da morte do seu marido, o Rei XVI, ela foi para a Conciergerie, onde ficou 72 dias a espera da sua morte).

1795 França adota o sistema métrico

1796 Napoleão é nomeado general do exercito Italiano

1799 Criação do Banco da França

1804 – 1814 Napoleão I (esta e a data que ele se tornou imperador, coroando-se a si próprio na Catedral de Notre Dame)

1809 Napoleao conquista Moscou

1814 – 1824 Louis XVIII

1814 Restauração

1816 Napoleão perde a batalha de Waterloo

1821 Morte do Napoleao I

1824 – 1830 Charles X

1830 – 1848 Louis-Philippe I

1848 Segunda Republica

1852 – 1870 Segundo Império com Napoleon III (Sobrinho do Napoleao I) – Reconstrução de Paris com o Barão De Haussmann (prefeito da cidade) entre 1853 e 1870.

1858 Visão de Bernadette Soubrious em Lourdes

1862 Victor Hugo escreve o famoso romance “Les Miserables”

1871 Terceira Republica

1887 – 1894 Sadi Carnot

1889 World Expo em Paris com a torre Eiffel

1898 “J’accuse” é escrito por Émile Zola

1905 Uma lei finalmente separa os poderes do estado e da igreja

1906-1913 Clemenceau

1914 – 1918 Primeira Guerra mundial

1926 Morte de Claude Monet

1936-1945 Segunda Guerra Mundial

Petain 1940-1944

Dia D em 6 de junho de 1944

1944 – 1946 Charles De Gaulle

1944 Em 21 de Abril 21, França finalmente da as mulheres o direito ao voto.

1946 – 1947 Leon Blumme

1947 Quarta Republica

1947-1954 Vincent Henrauriol

1954-1959 René Coty

1959 Quinta Republica

1959-1969 Charles de Gaulle

1962 Fim da guera com a Algeria

1968 – Manifestações estudantis em Maio

1969 – 1974 Presidente Pompidou

1970 Morte de Charles De Gaulle

1974 Valéry Giscard d’Estaing eleito presidente

1981 François Mitterrand eleito presidente

1988 François Mitterrand re-eleito presidente

1991 Edith Cresson, Primeiro ministro

1995 Jacques Chirac é eleito como o quito presidente da Quinta Republica

1996 Francois Miterrand morre

2001 A constituição é mudada, e o mandato do presidente é diminuído para 5 anos em vez de 7 anos.

2002 Jacques Chirac re-eleito presidente

2007 Nicolas Sarkozy eleito como o Sexto Presidente da quinta republica

Leia mais...