Quanto dinheiro voce realmente precisa para passear pela Europa?

dezembro 14, 2014 | Posted in Cultura Francesa | By

No ultimo artigo, eu escrevi um pouco sobre a falta de necessidade de voce trazer uma mala enorme cheia de roupas e coisas para usar por aqui.
Infelizmente as pessoas no Brasil são bombardeadas diariamente com ideias impostas de que precisamos de isto e aquilo, que há uma real necessidade de ter 20 pares (ou mais) de sapatos, e de viver comprando coisas.
Quando se vive em um pais onde não há “facilidades de pagamento”, a gente aprende a pensar bastante antes de comprar coisas novas.
O que voce “deseja” e o que “voce realmente precisa”?

Ao viajar pela Europa, normalmente se pensa “oooba chance de fazer mais comprinhas!”.
E claro que no Brasil qualquer coisa custa carissimo em relação ao resto do mundo.
Então, vale a pena encher a mala de coisas que voce precisa e que costuma comprar no Brasil por 5 vezes mais. Ou não…

Agora vamos a algumas considerações em relação ao quanto voce realmente necessita para vir passear por aqui:

1. Europa é um local cheio de historia e cultura. Tem coisas diferentes, pessoas diferentes, e basicamente o que se quer quando se viaja é isso mesmo, ver coisas diferentes.
2. Faça um orçamento baseado nos tickets de transporte (avião para ir e vir, locomoção entre paises da Europa). Este é o principal.
3. Depois, organize as acomodações. Hotel, apartamento, hostal/albergue, etc. Leve em conta que em cidades grandes, normalmente o importante é estar bem localizado, mais do que estar em um super hotel. Diferente de ir digamos, para a Tailandia, onde a diversão sera basicamente praia e o proprio hotel/resort, na Europa o hotel sera somente um local para dormir e tomar banho.
4. Organize passeios, entradas em museus, e planeje um roteiro equilibrado entre locais pagos e gratuitos. Na França, por exemplo, igrejas são gratuitas, em outros paises da Europa como Espanha, algumas igrejas são pagas.
5. Se o seu orçamento é apertado, esqueça os restaurantes indicados pelos blogs que dizem que voce teeeem de ir em tal tal local. Comer bem é um habito enraizado na cultura Europeia, a principio se voce for nos locais onde os moradores comem, e souber pedir um prato que lhe agrade, voce vai comer bem. Não há necessidade real de ir a restaurantes turisticos, caros e feitos basicamente para pegar o seu dinheiro.
6. Enfim, depois de se organizar com um orçamento razoavel/normal onde inclua gastos com transportes, acomodação é passeios, é hora de pensar nas famosas “comprinhas”.
7. Compras ocupam tempo. Leve em conta o tempo que voce tem, e se, por exemplo, voce tem somente 3 dias para desfrutar de uma cidade, eu aconselho a nem pensar em gastar uma manhã fazendo compras. Eu diria que seria melhor usar o tempo para visitar algum local legal.
8. Realmente, se voce for analizar, comprar roupas somente “pra aproveitar o preço” sai caro. Compre bem e fique livre de ter necessidade de comprar novamente em tudo o que é viagem. Uma roupa de qualidade não necessariamente precisa ser carissima, mas também não vai ser “baratinha”. Comprar bugiganga é jogar dinheiro fora, porque depois de algumas lavagens a peça esta imprestavel.
9. Analise se os cosmeticos que voce esta pensando em comprar são realmente “tudo isso”.
Quem le o meu blog sabe que eu adoro maquiagem, mas sinceramente falando, sombras por exemplo, são somente uma mistura de mica, talco, cor e conservantes. Precisa pagar 40 euros por um duo? Na verdade voce esta pagando pela embalagem. Não se iluda. Repare que em se tratando de ingredientes, vale a pena olhar com calma o rotulo, muito do que se acha maravilhoso é simplesmente uma mistura de produtos baratos… Existem shampoos da Kerastase, por exemplo, que não tem nada de especial, somente são carregados com silicone, por isso deixam os cabelos bonitos. De resto, se voce for ver, a Kerastase continua usando produtos como sulfatos, parabenos e afins, que na verdade não diferem de qualquer garnier da vida .
10. Depois de muito pesquisar sobre os tão falados altissimos preços dos cosmeticos importados no Brasil, fui bisbilhotar o site da sephora (no Brasil) e não vi nenhuma grande diferença entre os preços daqui, sendo que no site brasileiro voce pode comprar em 10 vezes sem juros (com frete gratis). Note que produtos da MAC por exemplo, são também “importados” pra gente aqui.

 
11. Eu costumo dizer (quem me conhece sabe disso), que se voce chega aos 40 anos e ainda não tem roupa pra ir a um evento inesperado, voce esta comprando errado – voce já deveria ter um bom par de sapatos, uns dois ou tres bons vestidos de festa/coctail de qualidade de modelos bem polivalentes e neutros que permitem voce a ir a um jantar, festa, etc. Não faz sentido voce ter a real necessidade de comprar uma roupa nova a cada batizado, casamento ou formatura que aparece. De preferencia para um bom guarda roupa com peças de qualidade, basicas, e depois “enfeite” com coisas mais baratas e da “moda” se voce quiser. Note que se até a Kate Middleton repete roupa e sapatos em eventos, quem somos nos para não poder o fazer?
12. Enfim, esta lista é um pouco desorganizada, meio que saindo da ideia original, mas o que eu quero dizer é que se voce for ver o que voce realmente precisa pra vir passear por aqui, tirando o basico “transportes/alojamento/alimentação/passeios”, o resto voce gasta se quiser e se puder. A ideia de que viajar para a Europa é uma coisa carissima é um pouco de exagero. Barato não é, mas viajar nunca é de graça. Na verdade viajar pela europa pode sair mais barato do que viajar pelo Brasil.

13. Da tranquilo pra vir a Paris, por exemplo, gastando cerca de 60 euros por dia/pessoa (não estou incluindo hotel e avião).
Veja bem os seus gastos em um dia tipico de passeio em Paris:
Cafe da manha: incluído na diaria do hotel. Se não estiver incluído, um café com leite/ou café preto normal grande/ou cha/ou chocolate quente com um coissant/ou pão com manteiga sai cerca de 5 euros.
Almoço: Eu recomendo sentar em comer comida de verdade para economizar. Voce come por cerca de 15 euros (entrada, prato e sobremesa). Locais que eu recomendo: Saint Michel ou Montmartre. Ambos tem inumeros restaurantes bons a baratos.
Jantar: Mesmo valor: 15 euros
nota: uma garrafa de agua que pode ser enchida nas fontes de agua potavel (não é no chafariz das praças!) 1 euro.
Passeios: digamos que voce faça dois passeios pagos por dia: passeio de barco: 12 euros + um museu pago 12 euros (louvre por exemplo). Note que voce pode tranquilamente passear pela cidade indo somente em locais gratuitos. Voce não precisa entrar em todo o local, por exemplo voce pode visitar os Invalidos somente por fora, visitar a capela, etc, e pronto. Selecione o que voce quer realmente ver.
Transportes para se deslocar pela cidade: Organize-se para percorrer areas. Não fique saltando de um lado para outro da cidade. No dia de visitar Champs Elysées, por exemplo, visite Patit palais, Grand Palais, Invalides, Torre eiffel, jardim de Tuilleries, Louvre, e tudo o que estiver por perto.
No outro dia va para a area antiga, Quartier Latin, Saint Germain, Ile de La cite, Marais, etc.
Fazendo isso voce precisara de no maximo 4 tickets de metro por dia: cerca de 6 euros.

Pronto!
Total: 60 euros!!!
Em Paises mais baratos, como Portugal, os valores caem muito!
Aproveite para fazer compras em Portugal, Espanha, etc.

Atenção: Escolha a dedo as cidades que voce for visitar. Visitar 10 paises em 15 dias é uma maratona e voce so gasta dinheiro, perde tempo viajando, se cansa. Planeje pelo menos 3 dias em cada local (mais é melhor), para voce realmente mergulhar dentro do local. O ideal é visitar poucos locais e o fazer bem feito.

Boa viagem!!!

Leia mais...