O que comprar em Paris? Dica de Souvenir

julho 26, 2011 | Posted in Compras em Paris, Pontos turisticos, Turismo dicas | By

Ola Pessoal! Mais um artigo da nossa querida leitora Luana Veloso!

Vamos falar de coisa boa? C-O-M-P-R-A-S !!!
Sempre que viajo quero comprar presente pra todo mundo, uma pequena lembrança claro, afinal, a conta bancária não está lotada!
E outra, sempre que alguém sabe que você está indo viajar, já fala: “Não esquece do meu presentinho!” Pois bem, vou dar umas dicas de coisas legais e baratas que  todo mundo vai AMAR receber!

Para quem não sabe, o termo “Suvenir” vem do verbo francês “Souvenir” que significar “lembrar”!
Paris é a cidade que mais tem lojinha de souvenir na vida!!
Alguns dos principais pontos são:

– Rue de Rivoli – próximo ao Musée du Louvre
– As ruazinhas da Rive Gauche – perto da Catedral Notre Dame
– As ruazinhas atrás da Basílica de Sacre Coeur em MontMartre

Enfim, o que não falta são endereços! Pra ser sincera, os preços não variam muito, então, não perca seu tempo procurando – pois eu mesma fiz isso e perdi muito tempo de viagem e no final nem valia a pena –

Bom, segue algumas coisas que eu comprei e agradou MUITO quem recebeu

AVENTAL
Se alguém que você quer presentear gosta de cozinhar, esse é o presente!
São baratos, com uma qualidade ótima e lindos!

Dicas de o que comprar em Paris para trazer como souvenir

Dicas de o que comprar em Paris para trazer como souvenir

LENÇOS E CACHECÓIS
Se tem um povo que sabe usar bem esse acessório são os franceses! Um mais lindo que o outro! Comprei uns que parecem de seda e paguei 2  Euros!!!

lencos lindos com motivos parisienses

Lencos lindos com motivos parisienses

IMÃ DE GELADEIRA
Parece besteira, e  eu sou suspeita pois faço coleção, mas vale muito a pena … Se você viaja por muito países, cidades … Pode trazer um de cada lugar pra sua mãe que ela vai amar a coleção!

ima de geladeira com a torre eiffel

Dicas de souvenirs: imas de geladeira com a Torre Eiffel

CHAVEIRO TORRE EIFFEL
Eu sempre trago um monte de chaveiros! Você compra 3 por 1 euro daqueles meninos africanos que ficam vendendo na rua, assim se esqueci de alguém eu dou um chaveiro! Além de que eles são uma graça, eu tenho um em cada chave ! Dica: Não compre os coloridos, pois eles desbotam! Compre os de metal bronze

Chaveiro da torre eiffel

Chaveiro da torre eiffel – otima lembranca para dar para os amigos!

 

PINTURAS
Sempre compro umas gravuras que parecem pinturas dos principais pontos turísticos da cidade, aí você dá pra pessoa e ela emoldura.
Fica lindo na decoração! E também são baratas, eu compro naquelas bancas verdes que tem nas margens do Rio Sena, achei ali com o melhor preço!
Posters em museus são um pouco mais caros, mas também é uma boa ideia pra quem gosta de arte, decoração e está com o orçamento um pouco mais folgado!

E vocês? o Que gostam de trazer de Souvenir??
Pra quem ainda não foi viajar, espero que aproveite as dicas!

A bien Tôt!

Luana Veloso

 

 

 

Leia mais...

Lista de Profissionais Brasileiros e Portugueses na França: Médicos, Dentistas, advogados e tradutores que falam a nossa língua.

julho 25, 2011 | Posted in Viver em Paris | By

Lista de Profissionais Brasileiros e Portugueses na França: Médicos, Dentistas, advogados e tradutores que falam a nossa língua.

As vezes, por melhor que a gente fale uma língua, tem momentos que seria bom poder falar a nossa própria. Pensando nisso estou colocando aqui uma lista de profissionais brasileiros e portugueses que trabalham em Paris e arredores. Eu particularmente só conheço os serviços do primeiro, o Sérgio dos Anjos, tradutor dos meus certificados e certidões. Caso você experimente os serviços de algum deles e quiser recomendar (ou não), fique a vontade para dar a sua opinião.
Aqui vai então uma lista de médicos, advogados, psicólogos, dentistas, enfim, a lista não e nem de longe completa. Se você trabalha como cabeleireira, baba, webmaster, eletricista, pedreiro, profissional de limpeza ou oferece qualquer outro serviço aqui, e fala português, deixe um comentário ou mande um e-mail para ter o seu nome incluído.

Tradutores Brasileiros

Traducteur assermenté (tradutor juramentado)
Sérgio Bittancourt dos Anjos
97, rue de Charonne – 75011 Paris
tél: 01.43.73.71.98.
adresse e-mail: sbdosa@noos.fr

Traductrice assermentée
Mme Ana Villas-Boas
90, ave. des Champs-Elysées
75008 Paris
Tél: Port. 06.08.68.83.87
adresse e-mail: ana.villas-boas@wanadoo.fr

Traducteur technique
Monsieur Idálio de Carvalho
48, rue des Vinaigriers
75010 Paris
Tél: 01.46.07.07.59

Traductrices littéraire
Mme Inô Riou et Mme Paula Salnot
English, Brazilian Portuguese, Spanish into French
57, avenue de la Republique
75011 Paris, France
Tél: cell : +33 6 03 70 57 58 home : +33 1 75 50 92 69
adresse e-mail: paulasalnot@gmail.com

Traductrice/Interprète de portugais
Madame Claudia Laville
Expert prés la Cour d’Appel de FORT DE FRANCE
8 rue du Château Gaillard – Chars 95750
Tel: 06.64.11.30.08
adresse e-mail: sct.laville@wanadoo.fr

Traducteur journaliste/littéraire
Aris Jover
Tél. 01 43 43 85 01
adresse e-mail: arisvolcans@wanadoo.fr

Traductrice – Interprète de conférence
Portugais – Français (Anglais – Espagnol)
Karina Barros
22, rue Berthollet 75005 Paris
Tél./Fax : +33 (0) 1 55 43 94 26
Port. : +33 (0) 6 07 76 48 85
adresse e-mail: barros.karina@wanadoo.fr

Fisioterapeuta Brasileira

Cristiane Deretti Moreiras
31, rue Gabriel Péri
Charenton le pont (metro linha 8)

 

Medicos Brasileiros

Paulo ROCHA

cardiologue (ADELI 75 16 8403 6)
Téléphone/fax : 01 47 83 78 71 ou 06 78 95 74 71
Domicile : 10 villa du Mont Tonnerre Paris 75015
e-mail : paulorocha@wanadoo.fr
et
Consultations à l’Institut Arthur Vernes
Service de Cardiologie au 01 44 39 53 16. Fax 01 45 44 88 29
procha@institut-vernes.fr
36 rue d’Assas Paris 75006. Deuxième étage
M° Rennes ou St Placide.
ou
Cathétérismes cardiaques : diagnostique et interventionnel
R-V en hémodynamique au téléphone 01 45 33 63 15
à la Clinique Alleray-Labrouste. Fax 01 48 28 70 04
64 rue Labrouste Paris 75015
M° Plaisance ou Convention.

Médicos de clinica geral Portugueses

Dr. Paulo Moreira
75 Rue des Pyrenees
75020 Paris
Tel 0143482337

Dr. Victor Garcia
10 Rue Gabriel Peri
92320 Paris
Tel  0147353949

Dr. Pedro Sanches
73 Bis Chaussee Jules Cesae
95130 Franconville
teu  0134141003/ 0130405310

Dentistas Brasileiros

Dra. Heloïse Neder Galesi (E-mail: hgalesi@free.fr)

18 rue Simart 75018 Paris
tél.: 01 42 23 09 19

Dr. Manoel Valério Pereira da Silva (Quartas e sabados)
18 rue Simart 75018 Paris
tél.: 01 42 23 09 19

Psicólogos e Psicanalistas Brasileiros/Portugueses

Teresa Esquivel

psychologue clinicienne, psychothérapeute

adultes, adolescents et enfants

bilingue portugais/français

cabinet: 3, rue de Madrid

78990 Elancourt

Tél: 01 30 68 28 36

 Cristiane CARDOSO

Psicologa clinica – psicanalista
44, rue de la Butte aux Cailles, 75013, Paris
Tel.: +33 (0) 7 50 60 34 66
Email: psychologueaparis13@gmail.com

Dra Alessandra CALABRIA-HERMANN
Psiquiatria e Psicoterapia
Adultos, Adolescentes e Crianças

76.Promenade des Anglais
Nice 06000
tel.0648600722

Dr. Cristina Lindenmeyer-Saint Martin
Psicanalista e Psicoterapeuta
44, rue de Sévigné
75003 Paris
Tel.: 01 48 04 58 76

Mayra Maitê LAVOIE
Psicóloga clínica
Psicoterapeuta de orientação analítica
Consultório privado
16, rue Robert Fleury 75015 Paris
06 99 23 39 10

Ana Maria COPIN
Psychologue clinicienne – Psychanalyste
Relaxation thérapeutique (méthode Jean Berges, pour enfants à partir de l’âge de 4 ou 5 ans et adolescents)
32 Rue Truffaut 75017 – Paris
01 42 94 18 35 – 06 85 70 38 46

Advogados Brasileiros:

Vincensini Edgar
55 rue de Varenne – Paris 75007
Tél. 09.50.98.82.72

Fernando Santiago
63 Av. Franklin Roosevelt  75008 PARIS
Telefone: 0142561400

Rafaela Pacheco Cintra do Prado
Advogada brasileira com mestrado em Direito na França.
Atua em Direito estrangeiro e Direito Internacional privado.
Endereço: 11 Rue Salomon Reinach 402
69007         LYON

Advogados Portugueses:

José COELHO
Avocat
60, Bld. Rouget de Lisle
- 93100 MONTREUIL SOUS BOIS
Tél. : 01 55 86 25 56
Fax : 01 48 47 53 47
Mobile : 06 75 59 86 50
jose.coelho10@wanadoo.fr

Cecilia COELHO
Avocat
60, Bld. Rouget de Lisle
- 93100 MONTREUIL SOUS BOIS
Tél. : 01 55 86 25 56
Fax : 01 48 47 53 47
Mobile : 06 14 07 93 45
c.coelhoavocat@gmail.com

Louis Philipe Birra
328 Rue du General de Gaulle  BP03
76231BOIS GUILLAUME
Telefone: 0235599480

Marie- Lucille Macedo
250 BIS BD ST GERMAIN
75007 PARIS
Telefone 0149546464

Maria Maranhao-Guitton
26 Rue Beaubourg
75003 PARIS
Telefone 0140261520

 

Leia mais...

Paris: Moda, beleza, cultura e afins

julho 23, 2011 | Posted in Compras em Paris | By

Olá pessoal!

Estou escrevendo este post em resposta a vários e-mails que tenho recebido de leitores (e leitoras) perguntando sobre a moda francesa, novidades de beleza e cosméticos, lançamentos, entre outros temas.

Como já sabemos a moda muda a toda estação mas cada pais tem os seu próprio estilo. E normal as pessoas se referirem ao estilo francês como mais clássico, mais formal.

Diferentes culturas e modos de pensar vão exigir diferentes formas de pensar a moda.

Aqui em Paris, e podemos dizer Europa de uma forma geral, não existe esta cobrança social que existe no Brasil de que se você repete uma roupa as pessoas “ficam falando”. As pessoas repetem roupas sim, e muito. E normal ver as pessoas no metro com o mesmo casaco quase o inverno todo. Mas são casacos caros, que duram uma vida inteira e podem ate passar de mãe pra filha. Assim como as bolsas Hermes ou Louis Vuitton, essas bolsas são, como todos sabem, caríssimas. Mesmo assim no Brasil existem certos grupos de senhoras que se você não tem a Louis Vuitton “do ano” você já não e mais bem- vinda no grupo. Aqui e exatamente o contrario! Quanto mais velha a sua bolsa mais interessante ela fica! Outra coisa que se faz muito por aqui e quando chega os saldos, onde as roupas estão muito mais baratas, ir em lojas tipo Armani, Uniclo, enfim, a sua loja favorita e comprar varias pecas do mesmo modelo para guardar. Isso não pode ser feito com roupas muito da moda, mas funciona muito bem para cashmires, casacos e botas de modelos mais clássicos.

Os brasileiros tem muito mais quantidade de roupas, e comprar mais por impulso do que os francês. Eu lembro de ouvir na minha família mesmo, expressões do tipo, “não é muito bonito mas tava barato, então comprei”. E só mesmo pra ter o que variar.

 

Em resumo,  aqui as roupas  são mais caras mas duram muito mais por causa da qualidade, o que evita da pessoa ter que ficar consumindo, consumindo o tempo todo.

No Brasil se compra roupa “por estação”. Aqui se compra roupa “pra vida inteira”, por isso compram coisas mais discretas e clássicas, para poder atravessar vários anos com elas.

Então, já vimos que Brasileiros e Franceses se vestem de forma completamente diferente mesmo.

 

Muitas vezes me perguntam “que tipo de roupa os franceses usam?” ou “que tipo de roupa devo colocar na mala para um período de férias na França?”

A minha opinião é que não devemos ficar mudando o guarda roupa só porque vamos viajar. Se fosse assim teríamos um guarda roupa para as viagens a Ásia, outro para a Europa, outro para a África e assim por diante. Vista-se de acordo com o clima, esteja confortável e traga roupas que combinem entre si. Pronto. Use o que você tem, e compre coisas novas na viagem. E melhor do que gastar fazendo “enxoval de viagem” antes de partir.  Planeje os seus passeios e traga roupas de acordo.

Leia mais nos artigos Outono e Inverno em Paris! O que colocar na mala?Compras baratas: Onde encontrar lojas outlets e grandes descontos em Paris Compras em Paris: Vintage e artigos de segunda mão eO estilo parisiense de ir às compras.

Mas claro, se você quer ter uma idéia de como andam as tendências por aqui, eu aconselho assinar de graça a revista Marie Clair, em Francês, o que vai ajudar também com o aprendizado do idioma. Eu assino e gosto muito de ler as novidades, tem varias seções e você recebe gratuitamente na sua caixa de email.

Mesmo se você não entende Francês a 100% você vai adorar ver as fotos. Infelizmente eu não posso copiar as fotos aqui por causa dos direitos autorais, só posso colocar aqui fotos que são minhas.

Pra assinar, você vai no website da Marie Clair francesa: http://www.marieclaire.fr/

Logo na primeira página você vai ver, no meio da página, à direita, um anúncio igual a este:

Você coloca o seu email, clica em “valider” e pronto!

Eu tenho certeza de que as informações que vocês podem encontrar nessa revista são de muito melhor qualidade e mais atualizadas do que eu poderia prover aqui no site.

Então fica aqui a minha dica, se vocês tiverem interessados em saber as últimas tendências de moda, beleza, cortes de cabelo, cultura e sociedade, não percam a oportunidade!

Nota: Quem conhece Paris deve ter notado que apesar desta ser uma das capitais da moda, as pessoas se vestem de forma discreta e repetem muito as roupas, portanto, não se preocupe em trazer toda a sua coleção de sapatos!

Leia mais...

Glossário Básico Paris:Tudo o que você queria saber sobre Paris mas tinha vergonha de perguntar

julho 22, 2011 | Posted in Turismo dicas, Viver em Paris | By

Glossário Básico Paris: Tudo o que você queria saber sobre Paris mas tinha vergonha de perguntar.

Estou escrevendo este glossário básico de Paris em resposta a vários e-mails que recebi desde que o ArtdeViv começou. Embora tenha respondido por e-mail individualmente a cada leitor, notei que a maior parte das perguntas eram sempre as mesmas.
Então, para informar os próximos curiosos sobre Paris, aqui vai a lista dos termos que mais tiveram perguntas:

O que é Rive Gauche e Rive Droite? Qual é a melhor? Ficam longe uma da outra?

Rive Gauche ( Margem Esquerda) – Paris é dividida entre margem direita e esquerda. No meio, o rio Sena. Algumas de suas famosas ruas são Boulevard Saint Germain des Prés e Saint Michel. Não existe uma margem “melhor” do que a outra, ambas são importantes, tem pontos turísticos e vale a pena visitar. Você pode cruzar as pontes e ir de uma margem a outra em 5 minutos (caminhando). A Rive gauche é mais segura, mais “francesa”, e não tem cinturões de miséria nas cidades dos arredores.

Rive Droite (Margem Direita) – Em frente à margem esquerda do rio e, geralmente, refere-se à metade norte da cidade. Sua rua mais famosa é, inegavelmente, os Campos Elísios (Champs Elysees), mas há outros, como a Rue de la Paix e Rue de Rivoli e a famosa avenue Montaigne. Ah um probleminha, porém, pois essa região é cercada por regiões bem complicadas socialmente, evite a parte norte de Paris à noite.

Qual é o melhor arrondissement?

Arrondissements – Paris é dividida em vinte arrondissements (seriam como distritos ou bairros).
O primeiro é o ponto “central da Paris do seculo XIX”, e os outros são estabelecidos no sentido horário como um espiral. Detalhe: o centro mesmo, hostoricamente falando, não seria “o Louvre”, e sim a Notre Dame, portanto pode-se dizer que o arrondissement 5 ou 4 são mais centrais que o 1 .
Como se trata de uma tal unidade básica para a cidade, eles são constantemente citados nos guias, quase sempre usando apenas o seu número associado (1er, ou 2em etc.). Não se pode dizer ao certo qual é o melhor arrondissement, depende muito de gosto.
Se você é turista vai preferir ficar nos primeiros, porque tem mais pontos turísticos. Se você quer curtir a noite e as “ruas vermelhas” de Paris talvez prefira a 18eme (mas este arondissement pode ser (muito) perigoso a noite). Para quem quer ver uma Paris menos turística pode preferir a 14eme, 15eme, etc. Para quem esta vinda a Paris pela primeira vez, eu aconselho dedicar-se mais aos arrondissents 1 ao 9, mas sem deixar de ir a Montmartre (18) que e onde esta a Sacre Cour (de dia).
O Louvre está no 1er, o Arc de Triomphe está na 8eme. Leia mais sobre os arrondissements em  Pontos turisticos de Paris por area (arrondissement)
Note que como os arrondissements são em sentido de espiral, a 15eme por exemplo (onde eu vivo), não esta necessariamente longe do centro. Eu estou a 10 minutos da Torre Eifell, que fica na 7eme. Se eu cruzar a ponte estou na 16eme.

Afinal o que é o tal Quartier Latin? Vale a pena ir la? Vale!
O Quartier Latin – uma região à esquerda do Banco no 5 º arrondissement
O quartier Latin tem sido o centro da vida intelectual e universitária de Paris ha mais de 700 anos.
Vale a pena ir conhecer som certeza. Alias essa area é uma das mais interessantes e antigas de paris.

O que é o Marais? É uma rua ou arrondissement?
O Marais é composto fica entre 3eme e a 4eme na margem direita, é um bairro que manteve muitas ruas pequenas e ainda guarda muito da “Paris antiga”. Foi onde viveu Balzac, Victor Hugo entre outros escritores famosos. Imperdível. Tem muitos pontos turisticos e lugares interessantes.

Quem foi esse tal de Haussman?
Haussmann – Barão que foi o responsável pelo projeto de planejamento urbano de Paris de 1852-1870. Os vinte arrondissements data dessa época. O nome Haussmann é conhecido por todos os parisienses.

O Metro de Paris é seguro? É verdade que cheira mal?
Metrô – O metrô de Paris. É extenso e serve quase todos os cantos da cidade. É um dos maiores do mundo e bem organizado. Tem linhas muito antigas e outras novas e modernas. É seguro. Nunca tentei usar o metro de noite em estações perto da 18eme ou 19eme (os 2 arrondissements mais “barra pesada” de Paris). Nunca senti mal cheiro. Na verdade todos os transportes públicos de Paris são completamente “usáveis”, não precisa ter medo. So não da pra baixar a guarda totalmente, mas isso voce ja sabe ne?

O que é RER? O cartão de metro serve também para o RER?
RER – Réseau Express Régional, semelhante ao metro, mas não fica embaixo da terra – são os trens suburbanos, (serve os subúrbios e regiões periféricas de Paris).
No centro da cidade, a distância entre as estações RER é mais significativa do que para o metro (não para muito), uma vantagem se você quiser ir distâncias maiores rapidamente – mesmo no centro da cidade. Se usa o mesmo cartão (passe de metro) para os 2.

O que são os Bateaux Mouches?
Bateaux Mouches – Este é o nome dado aos barcos que fazem tours pelo rio Sena.
Antigamente este era o nome de uma empresa de barcos especifica, mas hoje em dia é usado para se referir a todos os barcos de turismo.

Leia mais...

Casar na França – Um guia Prático

julho 20, 2011 | Posted in Vistos e permanencia, Viver em Paris | By

A França oferece duas maneiras diferentes em que duas pessoas podem dar o nó: o casamento e um tipo de alternativa de união civil, muito comum por aqui. De qualquer maneira, aqui está uma visão geral de como fazê-lo.
Estrangeiros podem se casar na França, ou com um cônjuge francês ou com outro estrangeiro, ou podem participar de um contrato de união (mais limitada em termos legais), mas mesmo assim reconhecidas legalmente – aberto a casais do mesmo sexo também. Isto é chamado o Pacte Civil de Solidarité ou, mais comumente, le Pacs.

Casamento

Todos os casamentos na França devem primeiro serem realizados por uma autoridade civil francesa antes de qualquer cerimônia religiosa. A cerimônia civil é realizada em uma aldeia, cidade ou prefeitura, la mairie, na frente do prefeito. É a conclusão da cerimônia civil que estabelece o casal como marido e mulher perante a lei.

A idade legal para casar sem o consentimento dos pais é de 18 para os homens e mulheres. A escolha da mairie deve ser aquele em que um ou ambos do casal a se casar declara tenham residido durante pelo menos um mês.

A documentação necessária deve ser apresentado à prefeitura, pelo menos, 20 dias antes da data proposta para o casamento. Em certos casos, o prefeito pode solicitar prova de que os participantes ainda não estão casados; para um estrangeiro, este pode ser referido como um certificat de capacité matrimoniale, popularmente chamado de certificado de solteiro,  e um certificat de coutume.

Sob a lei francesa, o anuncio publico do casamento deve ser afixado no Mairie nada menos do que 10 dias antes da data da cerimônia de casamento. O casamento em si pode ser realizada pelo prefeito, vice-prefeito ou vereador.

Não é incomum ter apenas a cerimônia civil, que é tratada com grande solenidade e uma certa quantidade de protocolo, sendo possivel convidar amigos e familia. Os noivos podem ir vestidos com os trajes de casamento que quiserem (vestido de noiva e comum, não precisa trocar de roupa se você tem o casamento religioso depois). Algumas Mairies tem salas especiais que podem ser arrumadas como você quiser para o casamento (por sua conta $$$, claro)

A certidão de casamento, acte de mariage, pode ser obtida a partir da Mairie onde o casamento foi realizado.

Casamento homossexual não é atualmente sancionada na França. O primeiro casamento foi realizado em Bordéus, entre dois homens em 2004, foi declarado nulo por um tribunal francês seis semanas mais tarde em um julgamento que já foi apelada e confirmado, mas homossexuais podem fazer PACS tranquilamente.

Se assim o desejarem, o casal pode então prosseguir para celebrar uma cerimônia religiosa, também é bastante comum. O clérigo realizar a cerimônia vai exigir um certificado de casamento civil antes do do casamento religioso.

O casal  receberá uma caderneta de famille. Este é um livro legal, que registra o casamento e os eventos subseqüentes na família, tais como nascimentos, mortes, divórcios ou mudanças de nome. É muitas vezes necessária para fins oficiais, e para se matricular uma criança na escola, por exemplo.

As mulheres casadas não são obrigados a mudar legalmente seu nome e, inversamente, qualquer dos cônjuges pode optar por mudar seus nomes ou para usar um nome de família hifenizado. Se você precisa pedir o visto de residencia depois do casamento, não mude o seu nome, isso só atrasara a obtenção do seu visto porque você terá de mudar passaporte e outros documentos.

O PACS

O Pacte Civil de Solidarité é uma união alternativa legal na França para os casais heterossexuais e homossexuais. Esses casais são chamados pacsés.

Enquanto ele fica muito aquém de conferir os direitos legais que os cônjuges casados ​​desfrutam, como o direito a permanência legal em solo francês, O Pacs que confere um estatuto jurídico que oferece tanto o reconhecimento oficial da união e uma série de direitos para ambos os indivíduos, bem como especificar bens comuns – você pode optar por fazer um contrato de comunhão de bens com Pacs também.

No entanto, o Pacs não tem qualquer relação legal sobre questões como a adoção de crianças.
O Pacs não da direito a visto imediato para viver aqui, você terá de provar a vida em comum (na mesma casa) através de contas bancarias conjuntas, correspondências de banco,declarações de testemunhas, contas etc. Algumas prefeituras exigem que os Pacses provem que vivem juntos por 3 anos (com algum outro tipo de visto, como o de estudante ou visiteur) antes de conceder a carte de sejour de Vida familiar/privada. A maioria das prefeituras pedem somente 1 ano, mas e bom conferir.
A Pacs pode ser assinado entre duas pessoas não casadas, independentemente da nacionalidade ou sexo, com 18 anos ou mais.

O que você precisa para se casar

– Um passaporte válido ou uma autorização de residência francesa para cada um dos cônjuges
Declaração de um endereço residencial francês (como uma conta de telefone ou de utilidade).
-Certificado de Coutume – emitida no Consulado Brasileiro aqui.
– A certidão de nascimento de cada um (emitidos nos três meses anteriores; certidões de nascimento estrangeiras devem ser traduzidas por tradutor juramentado, traducteur assermenté).

– Certificado de Solteiro para os estrangeiros – também pode ser emitido pelo consulado.

– Um certificado médico, certificat de l’examen prenuptial médico (emitido no prazo de três meses anteriores).

– Contrato de casamento, feito por um advogado francês estipulando que o casamento inclui um contrato pré-nupcial legal.

– Uma ou duas testemunhas, témoins, por cônjuge, se você não tem uma testemunha, um representante da prefeitura podem ficar como sua testemunha.

Para saber mais sobre casamento e Pacs, leia tambem o artigo Casamento, Pacs e uniao livre, saiba as diferenças legais de cada um deles.

Leia mais...

O Musée Cognacq-Jay: Um dos melhores museus gratuitos de Paris

julho 10, 2011 | Posted in Pontos turisticos, Turismo dicas | By

Hoje irei falar de um dos museus que eu mais gosto em Paris.

O Musée Cognacq-Jay é um museu situado no Hôtel Donon no arrondissement 3 , na 8 rue Elzevir, Paris. Está aberto diariamente, excepto segunda-feira; entrada é gratuita. O museu é tao bom que é difícil acreditar que é gratuito!

O acervo do museu foi formado entre 1900-1925 por Théodore-Ernest Cognacq (1839-1928) e sua esposa Marie-Louise Jay (1838-925), fundadores da loja de departamentos La Samaritaine.

Na ocasião da sua morte, Cognacq deu a coleção para a cidade de Paris, que em 1929 inaugurou o Musée Cognacq-Jay na 25, boulevard des Capucines.

Em 1990, o maravilhoso acervo foi transferido para o Donon Hôtel (este prédio e maravilhoso também, construído em 1575), no Marais, onde a coleção é apresentada em vinte salas de painéis (quatro andares) nos estilos de Luís XV e Luís XVI.

O museu contém uma excepcional coleção de arte e artigos de decoração, cerca de 1200 itens no total, com ênfase na França do século 18, que variam de cerâmicas europeias e chinesas, jóias entre outros, pinturas de Leopoldina-ES Boilly, François Boucher, Canaletto, Jean-Siméon Chardin, Jean-Honoré Fragonard, Jean-Baptiste Greuze, Maurice Quentin de La Tour, Sir Thomas Lawrence, Hubert Robert, Giovanni Battista Tiepolo, e Jean-Antoine Watteau, esculturas incriveis de Jean-Antoine Houdon, Jean-Baptiste Lemoyne e Jacques-François-Joseph Saly, móbiliario atribuídos a Jean-François Oeben e Van der Roger Cruse.

 

O Século 17 também está representado, nomeadamente com duas pinturas de Rembrandt, enquanto século 19 é representado com obras de Camille Corot, Paul Cézanne e também Edgar Degas.

Este Museu maravilhoso fica bem perto da Place des Vosges, e vale a pena ver mesmo!

Este Museu pertence a Mairie de Paris, e você pode ver todas as informações no próprio site

 

 

 

Leia mais...

Compras em Paris: Aproveite os grandes descontos do Grupon

julho 5, 2011 | Posted in Compras em Paris | By

Esta é uma dica imperdível.

Você já deve ter ouvido falar do Grupon, site onde você pode comprar de tudo com ate 70% de desconto.
É hora de usar o Grupon Paris também!

Se você esta planejando férias por aqui, ou passar aqui uma temporada maior, dinheiro economizado é sempre bem vindo.

Você pode economizar muito em restaurantes, lancherias, perfumarias, spas, lojas de departamentos, tours, espetaculos, enfim, o que não falta são opções.

Inscreva-se no Grupon Paris e receba por e-mail as promoções!

Eu aconselho mesmo, vale a pena.

Se você não conhece o Grupon, faca uma pesquisa no site do Grupon Brasil para ver do que se trata, e depois venha aqui se inscrever no Grupon Paris! Pra quem não conhece o site, ele abre uma janela pra voce se inscrever, se voce nao quiser e só clicar no botao que diz que ja esta registrado.

Voce pode se inscrever para receber as informações do Grupon sem comprar nada, a inscrição é gratuita e voce só compra se quiser. Eu as vezes passo meses sem comprar nada. Uma boa idéia é usar as promoções do grupon para fazer o seu roteiro, por exemplo, ao comprar um jantar num restaurante ou tickets para algum show, pesquise a area na volta e planeje um passeio nos arredorres.

Eu costumo utilizar o Grupon para comprar tickets de espetáculos por aqui (alem de manicure e roupas claro). Vale a pena porque você pode ir aos Cabarés de Paris, assistir o show e jantar, por exemplo, pela metade do preço. 

Pra quem viaja e come mais em restaurante, vale a pena também ver as promoções de lancherias para um almoço rápido como também as promoções em restaurantes de luxo (que sem o desconto do Grupon ficariam muito caros) para jantares aqui.

Aproveite para economizar usando o Grupon Paris!

 

 

Leia mais...